Título Original: Animal farm: a fairy story 
Autor: George Orwell 
Páginas: 276 
Gênero: Fábula/ Literatura Estrangeira / Aventura / Comunicação / Distopia / Drama / Fábula / Ficção / Ficção científica / História / Jovem adulto / Literatura Estrangeira / Política / Romance / Sociologia / 
Ano: 2020 
Comprar: Amazon


Sinopse: A história é conhecida: cansados da exploração a que são submetidos pelos humanos, os animais da Fazenda do Solar se rebelam contra seu dono e tomam posse do lugar, com o objetivo de instituir um sistema cooperativo e igualitário. Mas não demora para que alguns bichos voltem a usufruir de privilégios, fazendo com que o velho regime de opressão regresse com ainda mais força. Escrita em plena Segunda Guerra Mundial e publicada em 1945, A Fazenda dos Animais é uma alegoria satírica sobre os mecanismos do poder e tudo aquilo que leva à corrosão de grandes ideias e projetos de revolução. Pela primeira vez no Brasil, o clássico de George Orwell é publicado com seu título original. Com nova tradução, de Paulo Henriques Britto, e projeto gráfico especialíssimo - com capa em tecido, corte impresso e obras da artista brasileira Vânia Mignone -, este A Fazenda dos Animais conta também com uma série de ensaios que cobrem a recepção crítica do livro desde o seu lançamento até os dias de hoje.(SKOOB)

Oiiiiie, gente! Tudo bem? 

Hoje a colunista aqui está muuuuuuuuito feliz, pois recebi a versão atualizada, traduzida por Paulo Henriques Britto e lançada pela Companhia das Letras. Aaaaahh, se você já leu 'A Revolução dos Bichos', temos aqui a mesma narrativa com uma nova tradução (muito enriquecedora por sinal), mas já adianto que essa edição está muito especial, pois além da história temos uma ampla parte de crítica literária, eu tenho 'A Revolução dos Bichos' e agora 'A Fazenda dos Animas' em sua completude e perfeição! 


A narrativa sobre animais que moram na fazenda Solar, na Inglaterra. Eles estão cansados da vida dura que levam, da má alimentação e do trabalho exaustivo cobrado por Jones, o proprietário da fazenda. Um dia, um porco ancião diz aos animais que eles não podem trabalhar tanto, traz esperança ao dizer que poderão ser felizes, criar e procriar. Entretanto para isso acontecer, teriam que se rebelar contra o homem, pois este sim era o principal inimigo. 

Movidos pelo desejo de liberdade, os animais se rebelam e tomam conta da fazenda Solar, liderados pelo porco Major, eles fazem revolução após revolução e conquistam o tão sonhado "reino" dos animais felizes. Porém algumas atitudes dos líderes do movimento começam a desagradar, alguns princípios passam a serem ignorados, o que antes estava bem, agora não parece tão bem assim. 


Todos os animais da Fazenda Solar agora eram liderados pelos porcos, que pregava a igualdade e a liberdade para todos, um ponto que me chamou muito a atenção foi que eles tinha algumas regras, princípios que o líder passou e que eles seguiram sem questionar. Os porcos pregam a igualdade entre os animais, mas eles por serem os cabeças do movimento, mostram-se superiores, ditam regras, mas não as seguem, são protegidos por cachorros bravos que fazem a segurança, além disso só eles sabem ler. Os princípios pregados eram bem generalizados, mas os animais com desejo de serem livres, não avaliaram muito bem os riscos. Basicamente esse é o resumo da narrativa de 'A Fazenda dos Animais'


Eu tenho a edição especial de '1984' e agora a editora traz 'A Fazenda dos Animais' em uma proposta igualmente maravilhosa, não pude deixar de observar que elas são complementares e o uso das cores vermelho e azul é presente nos dois livros, imagine os dois juntinhos na estante! Considero a edição uma das mais completas em relação ao conteúdo critica literária, pois traz ideias de vários pontos de vista. 'A Fazenda dos Animais' tem a seguinte divisão: 

1- Ensaio visual 
2- Prefácio do autor à edição ucraniana 
3- Afazenda dos animais 
4- Posfácio a esta edição 
5- A fazenda dos animais, 75 anos em capas 
6- Fortuna crítica 
7- Sobre o autor e os colaboradores

A parte do livro que compõe a Crítica de 'A Fazenda dos Animais' tem 146 páginas, acredito que para nós, leitores atuais, esse apanhado de textos é de imensa valia, pois traz muito sobre o contexto histórico, aspectos que a obra critica e que é a representação do período na História, por diversas vezes eu parei para rever conteúdos como Guerra Fria, Totalitarismo e diversos outros assuntos ligados à temática a fim de compreender todo o contexto. 


A Companhia das Letras traz o diferencial da Fortuna Crítica em '1984' e agora em 'A Fazenda dos Animais' e confesso que eu não teria a mesma experiência de leitura sem esse apoio, parece uma parte de estudo. Cada vez que eu lia, fazia as minhas anotações e me deparava com tantos conhecimentos históricos e políticos que, com certeza, ampliei minha visão e por isso recomendo que quem vai ler pela primeira vez (já li, mas a releitura foi ainda mais proveitosa) que leia nessa edição maravilhosa, uma leitura completa, enriquecedora e que fará o leitor aprofundar tanto no enredo quanto na Crítica literária.


O livro vem com um prefácio do autor para versão ucraniana e isso acrescentou demais a respeito da trajetória do autor, essa edição contribui para uma leitura mais completa e contextualizada. Eu realmente sou uma fã de Orwell por toda sua genialidade, ele escreveu de forma atemporal e com uma crítica social tão intensa que fica até difícil pensar que seus escritos foram rejeitados por diversas vezes e ele até chegou a ouvir que história com animais não faz sucesso... ahhhh se soubessem! 


Além de me encantar com a releitura, procurei mais apoio sobre o livro e encontrei na própria Companhia das Letras que disponibilizou no canal do Youtube um bate papo sobre 'A Fazenda dos Animais' nessa edição especial de luxo, uma conversa riquíssima e cheia de informações sobre o autor e a imortalidade de sua obra. O vídeo tem pouco mais de uma hora de duração e tenho certeza que vai acrescentar muito, recomendo assistir e alternar com a leitura, eu amei essa experiência! Segue o link: https://youtu.be/Ut_LkiIKYRI
 
Você já leu George Orwell?
Se ainda não leu, comece o mais rápido possível, com certeza não irá se arrepender!


NOTA

OUTROS LIVROS DO AUTOR RESENHADOS NO BLOG:

  

George Orwell (Eric Arthur Blair) nasceu em Motihari, norte da Índia, em 1903. Filho de um funcionário da administração britânica do comércio ópio, estudou em colégios tradicionais na Inglaterra. Na década de 1920, foi agente da polícia colonial na Birmânia. Nas décadas seguintes, publicou diversos romances, ensaios e textos jornalísticos. é considerado um dos escritores mais importantes do século XX. Morreu em Londres, em 1950. 

Comentários via Facebook

1 comentários:

  1. Apaixonada nas fotos!!
    É um livro que quero ler há tempo. Depois desse post incrível, não tem como adiar mais. Vou pegar em breve.

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!