Título Original: Literalmente Amigas
Autor: Laura Conrado e Marina Carvalho
Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2018
Gênero: Ficção, Literatura Brasileira,
Páginas: 335
Comprar: Amazon

Sinopse: Duas das mais populares autoras brasileiras da nova geração, as mineiras Laura Conrado e Marina Carvalho se juntaram pela primeira vez para escrever Literalmente Amigas. Quando Gabi e Lívia, duas apaixonadas por livros, se conheceram em uma comunidade sobre literatura em uma extinta rede social, não imaginavam que se tornariam melhores amigas e que criaram um blog de resenhas literárias, o Literalmente Amigas. Desde então, elas são inseparáveis, apesar das personalidades muito diferentes! Gabi é um pouco avoada, desorganizada financeiramente, de riso fácil e vive uma história de conto de fadas com o namorado de longa data. Já Lívia é assertiva, firme e possui planos bem delineados para seu futuro, embora ainda não tenha encontrado o emprego dos sonhos nem um romance arrebatador como o de seus livros favoritos. Juntas, elas enfrentam as dificuldades da juventude, seja na profissão, seja no amor, até tudo começar a mudar quando ambas são selecionadas para a mesma vaga — para a qual as duas se inscrevem, sem contar uma para outra — na principal editora do país. Será que a paixão pelos livros, que antes unia as amigas, agora se tornará o motivo do término da amizade? (SKOOB)

Eu já li vários livros sobre blogueiras, mas essa é a primeira vez que vejo um livro sobre blogueiras literárias, e só por esse motivo eu já amo de mais Laura Conrado e Marina Carvalho (hahaha). 'Literalmente Amigas' foi uma leitura super descontraída que reforçou tudo o que eu sei sobre amizades verdadeiras.


Aqui conhecemos Gabi e Livía, duas amigas que se conheceram por causa do amor em comum pelos livros (quem nunca?) e que a partir daí não se desgrudaram mais. Ambas moram em Belo Horizonte - MG, e dividem um blogue chamado 'Literalmente Amigas'. Ainda sim, existe também algumas coisas que diferenciam as duas amigas:

Enquanto Gabi vive de um bico ou outro que lhe ajuda a pagar as despesas de morar longe dos pais, Livía tem emprego fixo em uma editora, além de carro e apartamento próprio. Enquanto Gabi tem um namorado super fofo, Lívia nunca se da bem em relacionamento nenhum. E enquanto uma é torcedora fanática do Galo, a outra torce para o Cruzeiro.
Reconheço finalmente que relacionamentos não têm fórmulas. O que acaba pesando de verdade para o sucesso deles é estarmos de bem com nós mesmos. Assim fica mais fácil enxergar o outro, com suas qualidades e defeitos, e aceitar conviver com suas diversidades.
Mesmo com suas diferenças, tanto Gabi como Lívia compartilham uma amizade linda entre elas e um enorme amor pelo blogue e seus leitores. Até que um dia ambas se candidatam para um emprego em uma editora e são selecionadas para disputar a mesma vaga. Agora, certas inseguranças em relação a esta amizade começarão a existir e as duas irão se questionar se um dia essa amizade foi de verdade.


O livro é narrado de forma alternativa entre o ponto de vista da Gabi, personagem escrita pela Laura Conrado, e o ponto de vista de Lívia, personagem da Marina Carvalho.
Por mais que eu (e muitas outras blogueiras literárias) tenha me identificado com várias coisas neste enredo, deu para sentir que algumas características dessa história foram tiradas da vida da Laura e da Marina, o que por sinal eu achei um máximo.


As autoras abordaram de uma forma muito divertida o verdeiro significado de uma amizade, ver a evolução das duas personagens no decorrer da leitura só me fez reforçar que quando estamos chateado com um amigo, precisamos por as diferenças de lado e enxergar que uma amizade verdadeira não se joga fora tão fácil.


Além disso, Laura e Marina trouxeram a tona muito do que se vive um blogueiro literário em meio ao compromisso com seu público, editoras parceiras e até mesmo 'ataques' sofridos quando algum autor não sabe enfrentar de forma profissional uma critica negativa. Não ficou de fora nem mesmo o quanto nos desdobramos para equilibrar a rotina da vida real com essa válvula de escape que nos proporciona um amor incondicional, e que por trás da telinha existe sempre uma pessoa de carne e osso, assim como qualquer outra.


Me fazendo ser grata por aqueles amigos que eu já magoei, mas que mesmo assim não desistiram de mim, 'Literalmente Amigas' mostra que nem só de momentos bons é construída uma amizade. Toda relação passa por seus altos e baixos, cabe a cada um de nós decidir se um momento ruim é o suficiente para destruir todos os outros momentos bons com aquela pessoa.


NOTA:  

OUTROS LIVROS DAS AUTORAS RESENHADOS NO BLOG:

 

Ganhadora do Prêmio Jovem Brasileiro 2012, como destaque na literatura. Autora da série Freud, me tira dessa! Segundo o voto popular do Prêmio Destaques Literários, o livro de sua autoria foi o melhor chick-lit nacional de 2012. Desde criança, Laura Conrado mostrava habilidade em criar histórias. O gosto pela escrita e pela leitura, levou-a se formar em Jornalismo. Trabalhou em jornais impressos, emissoras de televisão e assessorias de comunicação. Aos 21 anos publicou seu primeiro livro "Miguel e Pão dos Anjos." A trama conta com muita aventura e suspense destinada ao público infantil. Aproveitando a receptividade de seu primeiro livro, Laura lançou em 2012 histórias em forma de poema, também destinadas às crianças, no livro "Lendo com o Papai e a Mamãe". Seu primeiro romance destinado aos jovens leitores será lançado em março de 2012. "Freud, me tira dessa!" traz a história da Catarina, suas confusões e trapalhadas amorosas. Buscando rever suas escolhas, Catarina inicia a psicoterapia e se apaixona pelo terapeuta. Em 10 meses, o livro foi para a terceira edição, rendeu à Laura dois prêmios e leitores em todo o país.

Marina Carvalho nasceu em Ponte Nova, Minas Gerais, conhecida como a terra da goiabada. Adora queijo, rock progressivo, pudim de leite condensado, café com pouco açúcar e filmes com finais felizes. Ama ler, seja um bom livro policial, um chick-lit despretensioso ou o jornal do dia. Quando criança lia as revistinhas da Turma da Mônica, incentivada pela mãe, e ficava esperando ansiosamente pela chegada delas todos os meses. Formou-se em Jornalismo pela PUC-Minas e exerceu o cargo de assessora de comunicação de uma empresa por sete anos. Hoje é professora de língua portuguesa e literatura na Escola Nossa Senhora Auxiliadora. Mora em sua cidade natal com o marido e os dois filhos.

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!