Título Original: Dark Water
Autor: Robert Bryndza
Série: Detetive Erika Foster #3
Páginas: 322
Gênero: Ficção / Literatura Inglesa / Investigação
Editora: Gutenberg
Ano: 2018
Comprar: Amazon

Sinopse: “Puxado pelo peso das correntes, o corpo afundou rapidamente. Ela descansou ali, quieta e serena… durante muitos anos.”Quando a Detetive Erika Foster vasculha, com sua equipe, um lago artificial nos arredores de Londres em busca de uma valiosa pista de um caso de narcóticos, ela encontra muito mais do que eles estavam procurando.Do fundo do lago são recuperados dois pacotes: um deles contém 4 milhões de libras em heroína. O outro… o esqueleto de uma criança.Os restos mortais são de Jessica Collins, uma garota desaparecida há 26 anos e que foi a principal manchete de todos os noticiários da época.Erika, então, precisa revirar o passado e desenterrar os traumas da família Collins para descobrir mais sobre o trabalho de Amanda Baker, a detetive original do caso – uma mulher torturada pelo seu fracasso na busca por Jessica.Muitos mistérios envolvem esse crime, e alguém que não quer que o caso seja resolvido fará de tudo para impedir que Erika Foster descubra a verdade. O autor de A Garota No Gelo e Uma Sombra Na Escuridão nos presenteia com outra eletrizante aventura da Detetive Erika Foster. (SKOOB)

Sabe quando você inicia uma leitura e com o passar do tempo percebe que ela era extremamente necessária naquele momento em que estava vivendo? Pois acreditem se quiser, 'Sob Águas Escuras' foi esse tipo de livro, no momento mais significativo ele se tornou meu refúgio, do nervosismo do dia a dia, das provas que estavam me consumindo agora nesse final de mês. Foi uma leitura que me prendeu do inicio ao fim, com uma abordagem maravilhosa baseada em suspense e investigação, temáticas que tanto aprendi a gostar nestes últimos meses, espero que gostem da resenha!


A detetive Erika Foster estava trabalhando em um caso muito importante de tráfico de drogas em sua nova divisão, naquele dia em específico eles estavam fazendo uma varredura em um lago local, onde supostamente o acusado que estava detido havia jogado uma mala com muitos quilos de cocaína, para Foster era crucial achar essa mala e assim poder acusar o traficante que estava sobre sua custódia. O que ela e sua equipe  de mergulho não poderiam ter previsto é que além da mala com a droga, achariam outra coisa mais assustadora no fundo daquele lago.


Quando o segundo mergulhador entregou a Erika um embrulho amarrado com correntes e com o plástico se desfazendo ela já estava apreensiva o bastante pelo tamanho tão pequeno do conteúdo ali dentro, antes mesmo de abrir a detetive percebeu que tratava-se de algo menor que o tamanho de um adulto, para sua infelicidade e tristeza era o esqueleto de uma criança que foi jogado de forma desumana dentro daquele lago possivelmente morta ou para morrer. Erika Foster entregou relutante o caso para a divisão responsável, ela já não fazia mais parte daquele mundo desde da morte de seu marido, pediu transferência para crimes envolvendo tráfico, mas isso não mudou o sentimento que a consumia naquele momento, quem era aquela pobre criança? E o mais importante, quem a matou?


A leitura de  'Sob Águas Escuras' se tornava cada vez mais envolvente conforme eu acompanhava a trajetória da detetive, posso dizer que este é o tipo de livro escrito para prender atenção do leitor e cativa-lo com riqueza em detalhes, o que ao me ver o deixou ainda mais valioso. Robert Bryndza construiu um cenário de acontecimentos capaz de deixar o leitor muito curioso por desfechos em relação a estória, para saber quem é o assassino e se Foster irá conseguir prende-lo.
E neste exato momento somo as únicas três pessoas no mundo que sabe o que aconteceu com ela.
É interessante ressaltar que o autor abordou alguns assuntos bem difíceis de serem lidos como a pedofilia, então para os que não gostam desse tipo de conteúdo fica um alerta, mesmo sendo de forma muito sutil sem uma narrativa detalhada sobre abuso sexual sei que esse assunto pode causar desconforto em determinados tipos de leitores.


Com um final revelador o meu primeiro contato com a escrita de Robert foi além de tantas outras coisas muito positivo, como mencionei no inicio dessa resenha a leitura veio em um momento muito propício e me ajudou a relaxar e desfocar de coisas que estavam me consumindo demais de forma negativa nesses últimos dias, recomendo muito a quem está a procura de uma boa ficção.

Um grande beijo e até a próxima!

NOTA:


Robert Bryndza nasceu no Reino Unido e já morou nos Estados Unidos e no Canadá. Seu romance de estreia, The Not So Secret Emails of Coco Pinchard (2012), deu origem à famosa série de comédia romântica de Coco Pinchard. Em 2016, escreveu A Garota No Gelo, primeiro volume da série de ficção policial da Detetive Erika Foster, best-seller nº 1 do Wall Street Journal e do US Today. O segundo livro da série, The Night Stalker, é também best-seller nº 1 no Wall Street Journal. Juntos, os dois livros já venderam mais de um milhão de cópias e foram traduzidos para 19 idiomas. O terceiro livro da série, Dark Water, será lançado ainda em 2016.

Comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Olá Michelle!

    Adorei a resenha, o livro parece ser muito bom com essa temática de investigação e tal, quero muito ler.

    ResponderExcluir
  2. O livro Pode até parecer interessante mas eu li os dois primeiros livros e a minha experiência foi Simplesmente horrível principalmente em relação ao primeiro então eu fico bem pé atrás se devo ler esse livro ou não

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!