Título Original: The Darkest Part of the Forest
Autora: Holly Black
Páginas: 294
Editora: Galera Record
Gênero: Fantasia, Jovem Adulto, Literatura Estrangeira
Ano: 2017
Comprar: Submarino; Americanas; Shoptime; Buscapé; Livraria da Folha; Livraria Cultura; Amazon
E-Book: Livraria Cultura

Sinopse: Uma história repleta de magia e mistérios, da autora de As Crônicas de Spiderwick Hazel e seu irmão, Ben, moram em uma cidade onde humanos e fadas convivem. A magia aparentemente inofensiva desses seres atrai turistas de todas as partes, que querem ver de perto as maravilhas do lugar e, principalmente, o garoto de chifres e orelhas pontudas que descansa em um caixão de vidro. Hazel e Ben eram fascinados pelo garoto quando crianças. Mas, à medida que crescem, as histórias e teorias que inventavam perdem o encanto. Eles sabem que o garoto de chifres nunca acordará... Até que um dia ele acorda. Agora, os irmãos precisam se tornar os heróis que fingiam ser em suas brincadeiras e desvendar os mistérios que envolvem aquele príncipe com chifres. (SKOOB)
Já faz um tempinho que queria conhecer a escrita de Holly Black, conheço alguns livros da autora que foram lançados aqui no Brasil, porém, eu só senti aquela necessidade de ler quando "O canto mais escuro da floresta" foi lançado.

Agora imaginem um lugar cheio de criaturas mágicas, esse lugar se chama Fairfold e lá moram dois irmãos, Ben e Hazel, é neles que nossa história será centrada.

O livro é narrado em primeira pessoa pela Hazel, uma menina que adora sair por ai beijando garotos, ela é conhecida por isso e por partir os corações deles sem nem ao menos ninguém saber o porquê. Já Ben é conhecido como o oposto dela, sendo visto sempre como covarde, mas com um dom muito especial para a música. 
"Hazel, Hazel, menina dos olhos bonitos. Beije-a se quiser ter o coração partido."

Desde criança, Hazel e Ben alimentam um sonho, ela de um dia se tornar cavaleira, ele com um dom para a música se tornaria um bardo e juntos eles enfrentariam os monstros da floresta. No entanto, conforme Hazel vai ficando mais velha, esse sonho vai sendo deixado de lado, inclusive o de conhecer o lindo príncipe preso no caixão de vidro.

O garoto no caixão vidro sempre deixou todos os habitantes da cidade muito intrigados e eles achavam que ele nunca iria acordar. Até que um dia tudo muda. O caixão está quebrado e o corpo não está mais lá.


Ninguém imagina como aconteceu, muito menos quem pode ter feito aquilo, no entanto, o que todos sabem é que Fairfold corre grande perigo. E só quem pode ajuda-los são Hazel e Ben, só que as coisas não vão ser tão fáceis assim quanto parece.


"O canto mais escuro da floresta" foi uma das melhores leituras que fiz esse ano. Preciso dizer que quando peguei para ler estava com uma ideia totalmente errada dele, apesar de altas expectativas, porém foi uma surpresa muito boa.

Esse foi o meu primeiro contato com a Holly Black e a primeira impressão que tive da escrita dela foi maravilhosa, é simples e quase voraz, diga-se de passagem. Em uma época que não estava lendo nada, devorei o livro em poucos dias.

O livro traz uma história muito bem desenvolvida num cenário totalmente mágico e personagens cativantes.

Para quem gosta de livros com fadas, criaturas mágicas, mistério e aventura, esse é perfeito! Uma leitura que vale a pena.

NOTA:

OUTROS LIVROS DA AUTORA RESENHADOS NO BLOG:


Holly Black é uma escritora norte-americana que mora em West Long Beach, New Jersey. Ela ficou mundialmente famosa após escrever a série de livros As Crônicas de Spiderwick.
Holly Black é uma grande colecionadora de livros raros de folclore. Em seus primeiros anos de vida ela morou em uma mansão abandonada em estilo vitoriano com sua mãe, que contava a ela várias estórias de fantasmas e fadas.
Seu primeiro livro, Tithe: A Modern Faerie Tale, foi muito bem recebido pela crítica e foi publicado no outono de 2002.
A escritora só viria a ficar famosa um pouco mais tarde, com o lançamento do livro As Crônicas de Spiderwick: O Guia de Campo, primeiro livro da série As Crônicas de Spiderwick
Beijos!

Comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Olá! Não conhecia o livro, mas já adorei o enredo, pois em se tratando de fantasia, onde temos fada, magia e mistério já me conquista. Sem dúvida vai para a minha lista de leitura agora em 2018.

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Não conhecia a autora, mas adorei a história, gosto bastante de fantasia, principalmente envolvendo esse mundo mágico. Também fiquei curiosa sobre "o garoto no caixão de vidro", parece uma história leve, mas que prende o leitor.
    Beijos!!

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!