[Resenha] Cretino Abusado - @PlanetaLivrosBR

postado dia 01 dezembro 2017

Título Original: Cocky Bastard
Autoras: Penelope Ward e Vi Keeland
Série: Livro 1
Páginas: 272
Editora: Planeta
Ano: 2017
Gênero: Romance adulto
Comprar: Amazon, Submarino, Americanas, Livraria Cultura

Sinopse: Após ser traída pelo ex-namorado – chefe da firma de advocacia em que trabalhava – Aubrey decide que precisa de um recomeço. Deixa tudo para trás e aceita um emprego em uma startup na Califórnia, Estados Unidos, e parte em uma viagem de carro que mudará toda a sua vida.
Em uma parada na estrada, Aubrey conhece Chance, um homem atraente que viajava de moto. Com o corpo perfeito e sotaque australiano, o ex-jogador de futebol era bem convencido e arrogante. Quando sua moto quebra, Chance precisa da ajuda de Aubrey. Ele promete levá-la em segurança até seu destino em troca de uma carona, e os dois decidem seguir viagem juntos.
Aubrey está traumatizada após seu último relacionamento, mas sente uma atração incontrolável por aquele cretino abusado. Apesar da ligação cada vez mais forte entre os dois, Chance guarda um segredo que poderá separá-los para sempre. (SKOOB)
Quem me acompanha aqui no blog sabe que um dos meus gêneros preferidos é o romance adulto, também conhecidos como romances eróticos. Eles são fáceis de ler, flui rápido e é uma leitura bem cura ressaca. 

Quando eu vi a Editora Planeta lançando o novo livro da Penelope Ward e Vi Keeland, fiquei louca e logo coloquei na minha lista de desejados.

"Cretino Abusado" é o primeiro livro de uma série chamada "Cocky Bastard", inclusive o nome do primeiro livro em inglês é o mesmo que intitula a série e nele vamos conhecer Aubrey, uma mulher linda, inteligente e com tudo na vida para ser feliz, porém ela acaba de ser traída pelo namorado e antigo chefe da empresa em que trabalhava. Com isso, ela decide que precisa de um recomeço e parte em uma viagem.


No meio de sua aventura, Aubrey para num posto e tem um encontro inesperado com nosso cretino abusado. Chance é lindo, sexy, tem um sotaque irresistível e é daquele tipo de homem que vai direto ao ponto. 

Assim que eles se encontram, Chance tira Aubrey completamente do sério, mas ela está sozinha com o pneu furado e a única pessoa que pode ajuda-la é Chance, então ela acaba cedendo e aceita sua ajuda. 

Só que por mera coincidência a moto de Chance resolve não funcionar mais, então, ali no meio da estrada, eles fazem um acordo e partem rumo a Califórnia.


Desse jeito, eles vão se conhecendo aos poucos, mas cá entre nós, Aubrey é muito corajosa de aceitar dar carona para um estranho, eu não faria de jeito nenhum, rs.

No entanto, eles vão se conhecendo aos poucos, ao mesmo tempo que isso vai acontecendo, vamos percebendo que ambos os personagens escondem coisas do passado que mexem muito com eles.

A tensão sexual que há entre eles é instantânea e isso é uma das coisas mais legais, pois torna o livro divertido, até que algo inesperado acontece e eles precisam se separar. Entretanto, aqui eles já estão sentindo algo um pelo outro. O que nos deixa loucos para que eles se encontrem novamente.


Eu gostei muito do livro, "Cretino Abusado" tem personagens cativantes que te conquistam logo nas primeiras páginas e bem desenvolvidos.

Penelope Ward e Vi Keeland nos apresentam um romance divertido, com uma leitura que flui facilmente. A diagramação é bem simples, e a editora caprichou demais na capa, preciso dizer que acho que a capa brasileira combina muito mais que a capa original.


Sem dúvidas é um livro cheio de clichês, mas que vale a pena ser lido, ele arranca boas risadas e traz um romance que nos faz suspirar até a última página.

NOTA:

OUTROS LIVROS DE PENELOPE WARD RESENHADOS NO BLOG:


Vi Keeland é um​a​ nova-iorquin​a, ​mãe de três filhos, que ocupam a maior parte​ do seu tempo livre, o que ela reclama muitas vezes, mas não ​trocaria por nada nesse mundo. Ela é um​a​ leito​ra ávid​a e ​é conhecida ​por ler ​em​ seu Kindle ​ao parar ​em semáforos, ​salões de beleza, ​enquanto limpa a casa ou durante suas caminhadas, ​em​ eventos esportivos e, freqüentemente, enquanto finge trabalhar. ​Ela é um​a​ advogad​a​ chat​a ​de dia e uma emocionante ​autora Best-Seller do ​New York Times e ​USA Today à noite!


Penelope Ward cresceu em Boston, nos Estados Unidos, com mais cinco irmãos. Ela se tornou escritora de romances, muitos eróticos, após deixar a carreira de apresentadora de TV para se dedicar mais à família. Vários de seus 11 livros estiveram nas listas de mais vendidos dos prestigiados jornais The New York Times e Wall Street Journal. Penelope mora com o marido e os filhos, de 11 e 9 anos, em Rhode Island

Comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Tambem gosto de romances adultos, apesar de ler poucos ultimmamente. Esse ainda não conhecia.
    É bom saber que a autora conseguiu misturar diversão, que o livro flui apesar de ser um cliche com certeza vou querer ler, principalmente por saber que é o primeiro de uma serie.

    ResponderExcluir
  2. Olá! Gosto bastante dos romances adultos e este livro apesar de clichê é maravilhoso, gostei muito da história, a leitura fluiu muito e quando vi o livro já tinha acabado. A capa está linda, ponto positivo para editora, que venham agora os próximos.

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!