Titulo Original: Roomhate
Autora: Penelope Ward
Editora: Planeta - Selo Essência 
Páginas: 272
Ano: 2017
Gênero: Romance, Erótico, Literatura Estrangeira 

Comprar: Amazon, Saraiva, Submarino, Lojas Americanas, Livraria da Folha


Sinopse: Desde garoto, Justin amava Amelia, que odiava Justin desde que ele se mudou para a casa vizinha à da sua avó, em Rhode Island. Não, nada disso. Amelia também amava Justin, mas um mal-entendido o fez pensar que a garota mais incrível do mundo não correspondia ao seu amor e, pior, o odiava. Os anos se seguiram, e os dois tomaram caminhos distintos até que o destino – e um empurrãozinho de Nana, avó de Amelia – os reuniu novamente na casa onde se conheceram quando eram adolescentes. Obrigados a compartilhar o mesmo espaço, Justin – que aparece na casa de praia de Nana com a namorada – e Amelia vivem como cão e gato. Orgulhosa, a princípio ela não dá o braço a torcer ao amor que sempre sentiu pelo vizinho e reluta o quanto pode contra os encantos de um Justin, agora, mais maduro e... muito mais atraente. Será que ambos resistirão à paixão e ao desejo que os incita desde a adolescência? (SKOOB)

Minha nossa, o que falar desse livro que eu amei tanto?! É complicado demais elaborar uma resenha de um livro que a gente gostou tanto de ler, pode acreditar nisto. Mas eu prometo que darei meu melhor aqui agora para explicar como é e o que senti ao ler 'Amor Imenso', espero que vocês gostem.

Neste livro vamos acompanhar a história de Amélia e Justin, amigos desde os 10 anos eram inseparáveis. Pode se dizer que um era à sombra do outro. Ambos vindos de famílias desestruturadas viram que dá para sentir e dar amor mesmo que não seja da mesma família. Mas com o passar dos anos as coisas foram mudando, e sentimentos que antes não eram conhecidos começaram a tomar forma. Justin já amava Amélia há muito tempo, mas nunca tinha conseguido expor esse sentimento e acaba que esse sentimento é também sentido por Amélia que tem também a insegurança e não fala jamais o que sente.

Por um lamentável mal entendido do destino surgido de um segredo que Justin não disse a Amélia quando descoberto machuca muito a todos, esse casal de amigos acaba se separando, fazendo com que cada um tome seu destino. Mas com o passar do tempo Amélia nota que sua atitude foi drástica ao descobrir o segredo, mas há certas coisas que não dá para se resolver quando bem queremos, não é mesmo?

"Era como se meu coração batesse na boca. Saí pela porta da frente e corri sem rumo a praia. Em um momento, mais o menos um quilômetro depois, tive que parar para respirar, embora quisesse continuar fugindo."

Quase dez anos depois o destino tende a juntar novamente esse casal. Ambos agora adultos sem saber ao certo como está à vida de cada um se veem dentro de uma casa da qual receberam em um testamento da vó de Amélia. Muita coisa pode acontecer, muita coisa pode mudar. Sentimentos que antes foram guardados a sete chaves podem vir à tona quando menos se espera. Desculpas são necessárias, mas sinceridade também é, afinal, se desde o inicio ambos tivessem sido sinceros um com o outro, muita coisa podia ter sido evitada.


Olha gente, eu não posso falar muito sobre o livro, na verdade não posso me aprofundar mais do que já me aprofundei. O fato é que se eu desmembrar mais para você acabo dando aqueles famigerados spoilers e creio que não querem isso não é mesmo? Mas posso dizer com toda a certeza da vida que vale muito a pena conferir essa leitura.

A escrita de Penelope é muito fluida, gostosa, na verdade ela é envolvente. A gente acaba sentindo o que o personagem está sentindo, acaba que sorrimos quando eles sorriem, mas ficamos tristes quando eles ficam. É sim uma leitura muito gostosa.  Porem para aqueles que acham que pelo título ou capa a história é recheada de cenas tórridas de sexo, podem esquecer, a cena em si só acontece no final do livro quase que nas ultimas paginas, não que durante todo o livro não tenha aquela tensão sexual, claro que tem, mas a cena em si não.


Então se você não é fã de hot mas gosta de um romance essa escolha é certeira para você, pode ir sem medo porque eu sei que vai adorar. Impossível não amar esse casal. A única coisa que me incomodou muito foi que 98% do livro foram da visão de Amélia, somente no ultimo capitulo temos uma visão de Justin, o que achei uma pena, pois eu ia adorar saber em determinadas cenas o que ele sentiu, mas tirando isso... A gente, por favor, leiam, sei que vão se apaixonar.

Beijos

NOTA:

Penelope Ward cresceu em Boston, com cinco irmãos mais velhos. Ela passou a maior parte de seus vinte anos como uma âncora de telejornal, antes de mudar para uma carreira mais 'família'. Penelope ama o gênero 'New Adult', café e sair com seus amigos e família nos fins de semana. Ela é a mãe orgulhosa de uma menina bonita de 9 anos de idade com autismo (a inspiração para o personagem Callie em 'Gêmeos') e um menino de 7 anos de idade, ambos os quais são as luzes de sua vida. Penelope, seu marido e filhos residem em Rhode Island. 

Comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Olá!!
    Já li um livro da Penelope (não lembro qual) e gostei bastante da sua escrita.
    Não conhecia esse mas quero o ler em breve! Parece ser um ótimo romance!

    Ótima resenh!!
    bjus

    ResponderExcluir
  2. Oi, Penélope,

    te entendo, realmente fazer resenha de um livro q a gente gosta muito é bem complicado. Dá vontade de contar tudo pra q todo mundo corra p ler!

    A história é bem interessante, e estou aqui me roendo de curiosidade para saber que segredo tão grande é esse que pode atrapalhar um casal apaixonado!

    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!