Bienal não é Bienal sem a clássica foto sentada no trono de 'Game of Thrones', então é por aqui que o meu post de hoje começa (hahaha).


Saí de Itapetininga com meu noivo Lucas, na sexta-feira (dia 26 de agosto de 2016) de manhã. Nós não tínhamos GPS então baixei o app Waze que nos levou direitinho até o Anhembi, não errou nenhuma entrada \o/ nem confundiu nossa cabeça, simplesmente amei esse aplicativo.


Eu não me lembrava como era caro o estacionamento no Anhembi, e pagamos a pequena bagatela de R$ 40,00. O lado bom é que você pode deixar o carro lá o dia inteiro praticamente.


Chegando lá eu encontrei a minha amiga Pri (que já foi colunista aqui do blog), e começamos a visitar os stands e aproveitamos para tirar fotos em tudo que era possível, já que sexta-feira é o dia do final de semana em que a Bienal fica mais tranquila.



Em comparação a Bienal de 2014 (post aqui) eu achei que as editoras não investiram muito nos stands, estavam bem mais simples, menores, e em alguns casos nem tinham stands exclusivos. Acredito que seja um reflexo da crise, ou não, vai saber. Enfim, eu gostei bastante do teto do stand da Intrínseca.




Com certeza não poderia faltar a foto da pilha de livros da Rainbow, uma das minhas autoras favoritas, que por sinal, devia ter sido trazida para a Bienal né Novo Século?! hahaha...
O stand da editora estava lindo, e com uma galera bem animada, autores, funcionários ... a única coisa que não me agradou muito foram os preços. Mesmo com o desconto não estava valendo a pena comprar na sexta-feira, o livro que eu queria (um nacional), estava saindo por R$ 39,90 e nem lançamento era.


Além das editoras teve muitas outras empresas marcando presença com stands maravilhosos e movimentos que incentivam a leitura e atividades bem dinâmicas.


A Spotify mesmo, separou um cantinho bem aconchegante onde era possível sentar para descansar, ouvir uma música para relaxar e carregar o celular.


Quem está acostumado com Bienal sabe que a comida é sempre um dos nossos grande problemas, e este ano não foi diferente. Em meio a hambúrgueres e cachorros quentes, encontrei um lugar que servia yakisoba, no entanto o preço estava bem salgado, como sempre, e mesmo eu tendo levado alguns lanchinhos na mochila, chega uma hora que a fome de verdade aperta. O que achamos mais barato foi esse combo de hot dog que vinha com refrigerante e um salgadinho (torcida) por R$ 20,00. Se tinha algum lugar que servia arroz e feijão de verdade, eu não vi, e nem imagino a facada que devia ser também, se um hot dog já custava os olhos da cara.


O bom é que o lanche enche de verdade, você fica satisfeito, pelo menos eu fiquei, e isso ajudou a dar um novo gás para continuar andando, pois se tem um lugar que você anda esse lugar se chama Bienal do Livro, e pode ter certeza que ainda sim você não consegue ver e fazer de tudo.


Agora vamos ao motivo deste post está ficando gigante, e esse motivo se chama Rocco! A editora veio arrasando com o stand mais bonito da Bienal, todo decorado com o tema de Harry Potter, devido ao lançamento do 8° livro da série, e eu fiz várias fotos, então se prepara para a avalanche.







Outro stand que estava maravilhoso foi o do Grupo Editorial Record, e lá dentro tinha uma vitrine com vários livros em ofertas. Não eram livros recém lançados mas eram livros bem legais.




Eu queria muito ter comprado o livro da Karol Pinheiro, mas achei melhor deixar para o ultimo final de semana, eu só não esperava ter um imprevisto na família e ter que voltar para casa antes do dia em que me programei para voltar. Então se alguém quiser trazer pra mim eu agradeço (hahaha).




Pra finalizar esse post que já está gigantesco, eu queria mostrar para vocês um pouco do stand da Editora Arwen, que em breve estará lançando o livro da minha amiga Priscila Visacri, que eu mostrei e falei no comecinho deste post. Quem acompanha o blog algum tempo deve se lembrar dela, ela escrevia para o Amiga da Leitora também, e em breve eu volto com um post dando detalhes sobre o livro da Pri, ok?


Essas foram fotos só da sexta-feira, eu queria mostrar o máximo de coisas para quem não foi ou quem ainda vai na Bienal. Não esqueçam de levar o máximo de comida que puder, uma garrafinha de água (lá tem bebedor para encher), dinheiro/cartão e ir vestido e calçado da forma mais confortável que puder, pois é cansativo.

Outra dica importante é tomar muito cuidado com celular e dinheiro, infelizmente a Pri teve o celular furtado enquanto andava com a mochila nas costas. Então no meio de aglomeração ande sempre com sua bolsas para frente, fiquem espertos e de olho para nem um bolso ficar aberto.

Eu volto logo com um post recheado de fotos com a galerinha que encontrei por lá e tive o prazer de conversar um pouquinho, pois era tanta correria para bater horário de autografo e evento que se eu for ficar falando aqui a postagem vai ficar maior ainda. Então nos vemos em breve, mas antes quero encerrar com um pedacinho de Itapetininga que encontrei lá na Bienal do livro em SP, e não é a Taciele Alcolea (hahaha), eu perdi o horário do autografo dela.


Acompanhe também através das redes sociais
TWITTER ♥ INSTAGRAM  FACEBOOK  YOUTUBE  TUMBLR  G+
XOXO

Comentários via Facebook

19 comentários:

  1. Que invejinha brancaaaa!!! Queria muito ir a bienal, mas moro no nordeste e não é toda hora que dá pra ir a São Paulo.
    Amei as fotos e os Stands, se você disse que os desse ano não estavam tão caprichados e eu já adorei, imagina se eu visse o dos outros anos kkkk..
    O Stand da Rocco com HP *----------* coisa mais linda! Tou doida pra ler o livro novo!
    E que pena que a comida tava cara, eles deviam levar em conta que muita gente que vai a esses eventos é estudante e não tem tanta condição, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito bom, pena que mora tão longe! Mas espero que tenha a oportunidade de vir na próxima. Mesmo mais simples, ainda estavam lindos!! E a Rocco arrasou sim, eu tbm quero muito esse oitavo livro <3
      Verdade, eram pra levar isso em consideração e não o fato de que as pessoas não pdoem sair de lá e ai ennnfiar a faca no preço. =S

      Excluir
  2. Meu Deus! Que sonho.. Que lugar, que fotos! Em instantes me telestransportei pra lá através do seu post.
    Obrigada!
    Beijo grande
    www.blogandocomadeni.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber disso, a minha intenção era levar vocês até lá comigo mesmo <3

      Excluir
  3. Aaaai Thais assim vc me infarta!!!
    Que bom que aproveitou bastante td por lá e ainda nos trouxe um pouquinho dessa emoção!
    Adorreeeei td!!
    Ano que vem qro fazer de td pra ir!!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahah .... vc é do RJ?
      Quero muito ir ano que vem na do Rio, mas não sei se será possível...

      Excluir
  4. Meu Deus! Quantas fotos lindas! Quantas coisas lindas *-*
    O bendito do Trono de ferro é um dos troços que mais adoro ver nessas Bienais da vida. Que demais tirar uma foto assim! E todas aquelas estandes lindas, livros, a organização de acordo com o tipo de história e coisas assim. É pra fazer qualquer leitor pirar. E os autores! Ahh, conhecer alguns deve ser tão bom!
    A parte ruim é isso dos preços. Vi muita coisa que fiquei de olho arregalado porque poxa, caro pra caramba. Na internet estava achando pela metade do preço. É uma pena não poder gastar em muitos livros por lá =/
    Mas de qualquer forma é uma experiência muito boa né? Queria ir também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu queria ter mostrado muitas outras coisa mas acabei vindo embora mais cedo =(

      Excluir
  5. Que fotos limdas! O Stand da Rocco, pelas fotos, parece bem bonito mesmo! Foi muito bom você ter compartilhado conosco essa experiência ótima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou <3 fiz especialmente para vocês que acompanham aqui no blog ;)

      Excluir
  6. Amei o post! Deu para sentir um gostinho de como seria ter ido <3

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Obrigada por compartilhar os momentos da Bienal. Fotos lindas. Espero um dia poder ir, pois adoro esse mundo! Pena os livros estarem com os preços altos, vale mais a pena comprar nas lojas virtuais. Mas de qualquer forma, é um passeio inesquecível. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente essa crise atrapalhou muita coisa né, acho que por isso não teve muita promoção, ou foi o fato de eu estar só no primeiro fds e os descontos rolarem mais no ultimo mesmo.

      Excluir

  8. Eu queria muito ir na Bienal, mas por questões de locomoção não deu. Minha amiga foi e me contou que o trono de GOT estava com uma fila enorme, eu até imagino!Alias, quem não quer sentar nesse trono lindo? Muitos estavam reclamando dos preços de entrada e estacionamento. Não achei a entrada tão cara, o estacionamento achei caro, mas pelo menos era para o dia inteiro. É uma pena que a crise tenha atingido até a Bienal, mas a stande da Intrínseca estava mesmo bem decorada, pelos fatos que vi. Achei linda essa decoração dos post-it´s. Que caro a comida! Acho que para um evento literário tão grande e com tanta presença os preços deveriam ser menores. A editora Rocco arrasou em fazer uma homenagem a HP, que arraso! Mesmo não lendo a série eu ficaria louca lá dentro. A Record também conseguiu aproveitar o espaço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fui na sexta feira e cheguei lá cedo então nem tinha fila pro trono (hahaha)
      Estava tudo caro mesmo! Mas foi sim lindo e maravilhoso.

      Excluir
  9. Oi, Thais!!
    Que fotos sensacionais amei tudo!! A Rocco realmente caprichou quando montou esse stand do Harry Potter!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  10. Nossa, que vontade de ir na Bienal! Nunca fui em nenhum evento literário e espero conseguir ir na próxima Bienal em SP. A stand da editora Rocco estava realmente muito bonita. Em várias fotos que você postou vi livros que queria muito. E esse trono de Game of Thrones, que incrível <3

    ResponderExcluir
  11. Oi Thais,
    Que lindezas de fotos!
    Infelizmente não consegui ir esse ano na Bienal, mas quem sabe na próxima eu consigo ir.
    Espero que você tenha aproveitado muito, pois imagino a correia que deve ter sido, querer visitar todos os stands (lindos!) e sim, a Rocco ARRASOU, com certeza eu iria surtar lá \o/
    Beijos

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!