Titulo Original: Tell Me Three Things
Autora: Julie Buxbaum
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 288
Gênero: Ficção Americana, Young Adults 

Comprar: Submarino, Americanas, Saraiva
Sinopse: Setecentos e trinta e três dias depois da morte da minha mãe, 45 dias após o meu pai fugir para se encontrar com uma estranha que ele conheceu pela internet, 30 dias depois de a gente se mudar para a Califórnia e apenas sete dias após começar o primeiro ano do ensino médio numa escola nova onde conheço aproximadamente ninguém, chega um e-mail. Deveria ser no mínimo esquisito, uma mensagem anônima aparecer do nada na minha caixa de entrada, assinada com o bizarro nome Alguém Ninguém. Só que nos últimos tempos a minha vida tem estado tão irreconhecível que nada mais parece chocante. (SKOOB)

Eu acho que eu nunca gostei tanto de YA como venho gostando nesses últimos tempos, e recentemente li esse lançamento da Julie Buxbaum, publicado aqui no Brasil em Junho pela Editora Arqueiro, e estou perdidamente apaixonada pela fofurice dessa história, que chegou pra mim nesse pacote que é puro amor:


Aqui conhecemos Jessie, ela seria uma adolescente normal se não estivesse danificada - por dentro -pela morte de sua mãe, e com a vida de pernas pro ar por causa do novo casamento de seu pai. Ele simplesmente não a preparou muito para as novidades, apenas comunicou que estava casado e que se mudariam de Chicago para Los Angeles. Agora Jessie mora em uma mansão junto com pessoas completamente estranhas para ela.

Como se aguentar Rachel e seu pai tentando bancar a família feliz não fosse o bastante, Jessie ainda tem que lidar com coisas piores, começando por Theo, filho de Rachel, que mesmo estudando na mesma escola que ela, não lhe da nem uma carona. E como eu disse, essa é só a ponta do iceberg, pois estar morando no quarto de hospedes da casa da nova mulher rica de seu pai, não é nada comparado a ser a aluna nova do primeiro ano do ensino médio. O que nem seria tão difícil assim se não fossem os filhinhos de papai do colégio Wood Valey querendo fazer da vida de Jess um verdadeiro sanduíche de merda.


Nisso, Jessie recebe um e-mail com uma espécie de instruções de como se sair melhor durante o ano letivo dessa nova escola. No entanto a pessoa se identifica como Alguém Ninguém, pois não acha boa ideia os dois conviverem pessoalmente. No começo isso parece mais um dos ataques de bullying que a garota vem constantemente sofrendo, mas no decorrer das trocas de e-mails Jess percebe que realmente tem alguém que a entende e com quem ela pode desabafar.

AN também é um adolescente danificado por causa de uma perca, ele e Jess se identificam um com o outro, passam noites em claro trocando mensagens, é impossível um não querer saber como foi o dia do outro, dar conselhos e coisas do tipo. É aí que um grande sentimento vai crescendo dentro dela, mas em meio a isso outros garotos surgem na vida de Jess, e a deixam totalmente confusa. E se algum deles for AN? Seus sentimentos e escolha poderiam ficar mais fácil?


Com uma escrita leve e personagens envolventes, Julie Buxbaum entrou para minha listinha de autoras favoritas da qual que faço questão de ler seus próximos livros. A história de Jess não só me emocionou como me fez voltar ao passado e dar de cara com a minha própria história praticamente. Eu também não tive mãe na minha adolescência, tive que dar meu jeitinho para descobrir as respostas das perguntas que eu não poderia simplesmente fazer para minha vó (mãe de criação). Além disso também tive que ser a garota de outra cidade que vai estudar em um colégio novo, e isso em pleno o ensino médio é a treva!

Isso sem falar do quanto me identifiquei com a cena em que Jess vai para Chicago visitar a melhor amiga e descobre que voltar para trás já não é mais uma boa solução, pois nada será como era antes dela ter ido morar longe. Julie Buxbaum realmente fez um ótimo trabalho ao expor o como problemas como esses são o fim do mundo para uma pessoa de dezesseis anos.


Como uma romântica incurável eu me deliciei com toda essa relação de Jess e AN, foi uma relação totalmente diferente do que estou acostumada a encontrar por aí. Na maioria das vezes que eles começavam uma conversa falavam de três coisas sobre eles, por exemplo:
(1) Faço um  queijo quente do cacetóvski. (2) Passei por uma fase Justin Timberlake no sexto ano. (3) Gosto de você. 
Há todo um mistério para o leitor também descobrir que é AN, e eu tinha três suspeitos, até descobrir que um deles era gay. No meio do livro um novo suspeito apareceu, mas de repente a resposta me parecia tão óbvia e ao mesmo tempo tão duvidosa que só o que eu podia fazer era torcer para que minha intuição estivesse certa e que a autora não estragasse tudo no final, que diga-se de passagem foi tão maravilhoso quanto o livro todo. Eu só consegui desejar mais e mais disso tudo quando terminei a leitura.

Com certeza 'Três Coisas Sobre Você' é um livro que eu recomendo para o publico juvenil, mas também recomendo para os adultos como eu que não dispensa um bom YA, se você gosta do gênero com certeza vai se apaixonar pela autora e por essa história. Além do mais o livro aborda assuntos como bullying, amizade, adaptação, aceitação e muitas outras coisas que estão presente no dia a dia de muitos jovens. Tenho certeza que em algum momento você vai se identificar com o enredo e dizer pra todo mundo o quanto o livro é fofo. A começar pela capa né gente? Estou apaixonada!!

NOTA: 

Julie Buxbaum é a autora best-seller do New York Times por "Três Coisas sobre Você", sua estreia no jovem adulto, e dos romances aclamados pela crítica The Opposite of Love e After You. Seus trabalhos foram traduzidos em vinte e cinco línguas. A escrita de Julie tem aparecido em várias publicações, incluindo The New York Times. Ela é uma ex-advogada e pós-graduanda pela Harvard Law School e vive em Los Angeles com o marido, dois filhos e um peixinho imortal.

Comentários via Facebook

12 comentários:

  1. Oi Thais, estou querendo ler esse livro mas ainda não tive oportunidade. Gostei muito da sua resenha, e que embrulho mais fofo! Dá até vontade de deixar assim, de tão lindinho que ficou.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pri eu indico muito viu? Está entre as melhores leituras do ano com certeza, é puro amor esse livro <3
      Hahahah....eu não queria desmanchar o embrulho!! kkkkkk

      xoxo

      Excluir
  2. Olá, Thais!

    Também li esse livro recentemente e adorei, espero que esse seja apenas o primeiro de muitos YA da Julie! E gamei demais nesse pacote que a arqueiro enviou, se fosse comigo ia ficar até com dó de tirar o livro daí, haha. Melhor ainda só se desse pra enfiar o Ethan num pacotinho desses, né?

    Abraços,
    Elisa,
    https://www.youtube.com/watch?v=SPzcIU7EvVE

    ResponderExcluir
  3. Oiie Thais! Digamos que de bullying entendo mto bem...Mas isso não vem ao caso...
    Ameeeei ameeeei a história de Jess, será que AN é o filho da madrasta? Será? Aaiin ansiosa e mtooo curiosa pra descobrir quem é!
    Achei a leitura fácil e rápida, qro conferir essa obra tão bacana da Julie Buxbaum que parece ser sim mto boaa!
    Parabéns pela resenha, tá mto fofura! As fotos tbm ficarma lindas!
    Bjs bjs!!

    ResponderExcluir
  4. Primeiramente: Que pacote lindo esse! A Arqueiro sempre agradando os parceiros
    Sabia que eu não dava nada para o livro? pensei que seria aqueles romances bobos, mas que surpresa sua resenha me trouxe! Achei interessante a maneira como os dois vão se comunicando, por e-mails, e aumentou a curiosidade para saber quem é AN, como disse, não tinha muitas expectativas mas quero conhecer a escrita da autora

    ResponderExcluir
  5. Vi o Kit que você ganhou da Arqueiro, muito lindo. E a estória desse livro é ótima, já fiquei curiosa para saber quem é essa pessoa que manda e-mail para quando comecei a ler a resenha, ainda bem que você falou!

    ResponderExcluir
  6. Olha, confesso que ele não me chamou muita atenção pra ler quando vi. Ficou naqueles livros de indecisão, que não faço muita questão de ler, mas seria legal pegar.
    Vendo a resenha deu uma curiosidade enorme, viu! Será que ele é legal assim e estou deixando passar uma ótima leitura? Ahh, fiquei com vontade de ver como é agora.

    ResponderExcluir
  7. Oi Thais!
    Realmente o pacote é um amor!
    Não sabia que o livro era isso tudo! Amei! Sério, estou doida para ler, já tinha ouvido falar da autora, mas não me recordo de alguma vez ter lido algo dela. A capa realmente é mega fofa!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. adorei a resenha... vou colocar da lista de leitura, pois parece ser muito bom!

    ResponderExcluir
  9. Necessito desse livro urgentemente <3

    ResponderExcluir
  10. Necessito desse livro urgentemente <3

    ResponderExcluir
  11. Thais, descobri o site agora, estou adorando e a minha wish list só cresce. Gostaria que não me levasse a mal e nem precisa publicar meu comentário, mas notei que você tem o hábito de escrever perca ao invés de perda. Sei que todo mundo erra e me desculpe por apontar esse erro.

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!