Autor: Amanda Reznor
Editora: Madras Editora
Série: Livro 1
Ano: 2015
Páginas: 296
Gênero: Fantasia, Romance, Suspense
Comprar: Amazon, Submarino

Sinopse: Delenda - Vale dos Segredos é um lugar. Tão real quanto eu ou você e o que habita o nosso imaginário. E, como todo lugar, preserva as digitais dos séculos que o tempo em vão tenta apagar. Mas elas, como impressões virtuais refletidas num ponto qualquer do universo, perseveram. Delenda é uma dessas histórias que rega o Vale. Cláudia Blaise é uma garota quase comum: vive com sua avó em um bairro nobre, sustentada por uma gorda pensão deixada por seu avô. A única coisa que a difere de seus colegas da faculdade é que ela não conhece a mãe, que sumiu após o parto, e o pai, que foi assassinado no mesmo dia em que ela nasceu. No seu décimo oitavo aniversário, porém, uma surpresa está para alterar todo o rumo de sua vida. Mas o que vem disfarçado de um presente tentador pode ser, na verdade, uma cilada de encantos, mistério e morte... Será que ela descobrirá os importantes enigmas do Vale dos Segredos e, mais importante, saberá como escapar desse terrível labirinto? Viaje em um mundo no qual superstição e ceticismo se encontram, morte e vida dão as mãos, espelho e reflexo dançam. O Vale esconde muitos segredos e você está prestes a desvendar alguns deles, junto à jovem protagonista Cláudia, que estará tão perdida quanto o leitor, num ambiente hostil e entre pessoas estranhas. Suspire, reflita, sofra – ao final de tudo, você verá, a profecia pode se mostrar mais real do que a ficção... (SKOOB)

Delenda é um livro que envolve muito suspense, magia, demônios, uma herança e dois espelhos com uma profecia. Cláudia descobre ser herdeira de uma mansão em seu aniversário de dezoito anos, a avó Georgia fica transtornada quando a neta recebe uma caixa com as chaves da mansão e uma carta explicando que o avô havia lhe deixado um testamento onde ela possuía uma mansão que nunca ouvira falar próximo a uma aldeia desconhecida. Cláudia decide visitar a mansão após a morte de sua avó para tentar descobrir algo sobre seu passado, coisa que Georgia nunca havia lhe revelado.

É ai que chegamos ao Vale dos Segredos e a aldeia onde Cláudia conhece Maurício, um rapaz bonito que lhe acompanha como um guia para a mansão e pela cidade, mas parece que todos naquele lugar esperavam por sua chegada, mas nenhum estava disposto a contar-lhe nada relevante deixando a menina cada vez mais confusa com tudo. Ao longo do livro descobrimos que muitas coisas estranhas acontecem naquele lugarzinho pacato literalmente esquecido por Deus, Maurício é o único que parece disposta a contar algumas das verdades para Cláudia que descobre que eles consomem ervas para manter a influência do mal que existe naquela mansão longe deles, mas a garota não acredita e se irrita achando que todos estão se drogando e que as coisas estranhas acontecem justamente por conta dessas ervas estranhas.


O livro é cheio de suspense, cenas que nos fazem pensar "Corram para as colinas", mas que não é possível porque o perigo se encontram nas colinas hahahah. A narrativa da autora é bem complexa, as vezes me deixa até um pouco confusa com as palavras difíceis que ela usa, mas ainda assim é muito envolvente. Também é o tipo de livro que você não quer parar de ler porque quer descobrir o que diabos está acontecendo e o que está provocando tantas coisas estranhas até você chegar ao final e querer a continuação do livro no mesmo instante.

Eu me surpreendi bastante com a leitura, não sabia realmente o que esperar quando recebi o livro em casa e me surpreendi mais ainda quando eu não conseguia parar. Ao desenrolar da história descobrimos que Delenda é o nome de um espelho que tem o poder de abrir uma porta para o limbo, porém existem dois espelhos desse e um deles está sumido. Muita coisa acontece que não posso comentar muito, porque tudo está ligado a acontecimentos importantes para o desenrolar da história e eu estaria dando muitos spoilers, se é que já não dei algum nessa resenha xD


A capa do livro é muito bonita e dentro encontramos umas ilustrações no inicio de cada capítulo e algumas delas bem medonhas por sinal hauhauha tão medonhas quanto algumas cenas que acontecem no livro (só para deixar aquele ar de curiosidade em vocês).

Uma última observação sobre o livro: Amanda, pelo amor de Deus, não demore para lançar a continuação desse livro! hahahahah

Nota:

Beijos, Pri!


Amanda Reznor registra estórias desde que aprendeu a escrever. É também apaixonada por toda forma de arte, cultivando o canto, a dança, o desenho, a pintura, o teatro, a composição musical e a fotografia. Tem muitos projetos em mente, tanto na escrita quando na área musical e multimídia, e, como a qualquer bom leitor, cada livro digerido lhe fornece um novo leque de possibilidades fantásticas. 

Comentários via Facebook

11 comentários:

  1. Que capa linda!!! A premissa de me deixou curiosa, e sua resenha foi ótima!!
    Adoreii
    Beijos

    www.notavelleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Adorei a capa e fiquei bem curiosa para ver essas ilustrações que falou rsrs mas eu achei a história um tanto confusa. Esse livro tem em e-book?

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nunca procurei um ebook desse livro, então não sei te informar... quanto a história ela é um pouco confusa sim, mas conforme você vai lendo da pra entender o que acontece de tão estranho... só o final que me deixou confusa hauahuah por isso espero ter um segundo livro logo.

      beijos

      Excluir
  3. Adoro livros de suspense, fiquei bem interessada em lê-lo , parece ser um livro muito bom. a capa é maravilhosa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom sim, leia que você vai gostar! =D

      Excluir
  4. Adorei o livro e fiquei bem interessado pra ler ele! Maaaaas na minha vida as unicas coisas que crescem e não acabam são listas de livros que quero ler e continuações de livros.
    Abraços! Miguel do demasiadamentelendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahuhauahuah te entendo perfeitamente... na minha vida também é assim. As listas de livros não acabam nunca e o tempo pra lê-los é cada vez menor D: hahaha

      Excluir
  5. Confesso que não gostei muito da capa do livro e aí nem procurei saber muito sobre o livro. Já a sua resenha... bem, já muda tudo rs. Aquela coisa de não julgar o livro pela capa, mas a verdade é que uma boa capa atrai a gente demais né? Fico muito feliz vendo que a Madras também está abrindo suas portas para diferentes estilos e autores.

    xx

    www.mirelapaes.com
    doisdb.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahah siim, uma boa capa sempre atrai mais, mas eu gostei dessa, achei diferente e bonica com o jogo de cores *-*

      Excluir
  6. Muito obrigada pela resenha e pelo espaço aqui no blog Amiga da Leitora, Pri! Vou postar no IG do @vale.dos.segredos também ;)

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!