[Resenha] O Principe das Sombras - @EditoraArqueiro

postado dia 08 maio 2015

O Príncipe das SombrasTitulo Original: The Prince

Autor: Sylvain Reynard
Gênero: Ficção Canadence 
Edição: 2015
Editora: Arqueiro
Paginas: 128

O Príncipe das Sombras - Um conjunto muito valioso de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia, de Dante Alighieri, é exposto na Galleria degli Uffizi, em Florença. O dono das peças é o famoso professor de literatura Gabriel Emerson. Quando se deixou persuadir por sua amada esposa, Julianne, concordando em dividir com o mundo a beleza daquelas obras de arte, Gabriel jamais poderia imaginar que estaria atraindo para si um poderoso inimigo. Mais de um século antes, aquelas mesmas ilustrações foram roubadas de seu verdadeiro dono, o Príncipe de Florença, uma criatura sobrenatural e misteriosa que governa o submundo da cidade e há muito não sabe o que é o amor. Agora um dos seres mais perigosos da Itália está disposto a recuperar o que lhe pertence e se vingar de Gabriel e Julianne. Mas logo seus planos são frustrados. Um atentado o obriga a deixar os Emersons de lado, afinal ele precisa resolver assuntos muito mais importantes. Tanto seu principado quanto sua própria vida parecem estar em risco. Passado na cidade mais artística da Itália, O príncipe das sombras é uma incrível introdução à nova série de Sylvain Reynard, Noites em Florença, e vai deixar os leitores com gostinho de quero mais. (SKOOB)
Sylvain lançou uma serie nova, posso ouvir as palmas?

Nessa introdução a sua nova serie - 'Noites em Florença' - Sylvain mescla passado, presente e pedaços de narrativas da sua outra serie. E somos apresentados então ao Príncipe, um homem de extrema beleza e periculosidade. Apaixonado por arte, ele é detentor de quase todos os quadros de
Botticelli, mas logo no inicio da trama essas obras de artes são roubadas dele, e ele furioso promete vingar-se, nem que para isso precise esperar séculos.

Sim, séculos! Apesar de não dizer o que é, o Príncipe deixa claro ao longo da narrativa que não é humano.

Atualmente ele vive em Florença, cidade que aprendeu a amar e onde construiu seu principado. Tudo esta tranquilo, até que ele recebe a noticia de que a
Galleria Degli Uffizi vai expor obras de artes de Sandro Botticelli, cedidas amavelmente pelo professor Gabriel - Gabriel Is back baby. 
Paralelamente a isso, o principado de Florença é invadido, e o objetivo é derrubar o Príncipe. Duplamente irritado - com Gabriel e com a falha do sistema de segurança do seu principado - o Príncipe precisa decidir com qual problema ira lidar primeiro.



Logo que descobri que Sylvain iria lançar mais livros fiquei extremamente empolgada. Amo a trilogia do Gabriel e tinha certeza que o autor traria algo tão bom quanto. Dito e feito!

Nessa introdução a sua nova serie, o autor não só apresenta novos personagens e uma nova trama como também recupera elementos e personagens de sua consagrada trilogia. A mescla de passado e presente - sem ser através do recurso do fleshback - é construída de maneira muito inteligente, e ajuda bastante o leitor a entender e mergulhar na narrativa.

Confesso que ao saber que essa nova escrita do autor traria elementos sobrenaturais fiquei um pouco receosa, pois como já disse uma vez, estou meio cansada desse tipo de narrativa. Mas o autor trás esse tema já batido de uma maneira diferente, com elementos novos e "originais", que tornam o tema menos enfadonho e repetitivo.

Se você já leu a Trilogia do Gabriel e gostou, deve ler com certeza essa nova serie do autor. Se ainda não leu, vá fazer isso e depois leia os livros da Serie Noites em Florença, (hahahah). Esse autor é muito booooooom 



PS.: Já quero todos os livros dessa serie traduzidos , publicados e na minha estante.


NOTA:

Foto -Sylvain ReynardPseudônimo usado pelo autor canadense, Sylvain Reynard é conhecido por seus romances românticos, alguns dos quais estiveram na lista dos mais vendidos do New York Times e do USA Today. Está interessado na forma como a literatura pode nos ajudar a explorar aspectos da condição humana, especialmente o sofrimento, sexo, amor, fé e redenção. Suas histórias favoritas são aquelas em que cada personagem faz uma viagem, seja viagem física a um lugar novo e excitante, ou uma viagem pessoal, na qual aprende algo sobre si mesmo. Também está interessado em elementos como a estética, a arte, a arquitetura e a música e em como podem ser usados para contar uma história ou para iluminar os traços de caráter particular. Em sua escrita, combina todos esses elementos com os temas da redenção, do perdão e do poder transformador de Deus.
Beijos , Anna (:

Comentários via Facebook

6 comentários:

  1. Adorei a premissa do livro! Não conhecia e adorei a resenha tudo!
    Não conhecia o blog e fiquei apaixonada por ele, seu cantinho é maravilhoso,
    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Não li O Inferno de Gabriel então não sei muito o que esperar do autor, mas como gosto muito de coisas sobrenaturais é bem possível que eu goste! rsrsrsrs
    Mas para ser bem sincera o enredo não me atraiu tanto, só que não vou julgar antes de ler, né? Sem falar que livros sobrenaturais tem crédito comigo, então...
    Vou por na minha listinha ;)
    Abraços,
    Duda

    ResponderExcluir
  3. Oi, não conhecia a serie mas me parece ser bem interessante, adorei a resenha.
    Abraços
    litaralmentelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, quando eu vejo um livro que tenha algo sobrenatural ou paranormal fico com receio também, estou pra lá de enjoada disso, mas até que ultimamente tem tidos alguns muito interessantes, esse parece ser bom, pela sua resenha vale a pena ler!
    http://vocedebemcomaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. vou ler a Trilogia do Gabriel antes hahahaha mas espero gostar tanto quanto você gostou!

    ResponderExcluir
  6. Claro que eu, como uma boa apaixonada pelo professor Emerson, não poderia deixar de ler esse livro. Amei! E já estou de olho no próximo volume... Sylvayn Reynard é fantástico!!!

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!