[Resenha] Deixe a Criança ser Tímida - Editora Edelbra

postado dia 31 janeiro 2015

Deixa A Criança Ser Tímida
Titulo Original: Deixe a Criança ser Tímida
Autor: Fabrício Carpinejar
Editora: Edelbra
Ano: 2014
Páginas: 120

Gênero:  Crônica





A Coleção Pedaços de Vida apresenta a biografia do olhar paterno. Nas crônicas temos Fabrício Carpinejar às voltas com os filhos Mariana e Vicente. São memórias da vida com os filhos, dos sentimentos despertados pela paternidade. (SKOOB)

'Deixe a Criança ser Tímida' é mais um livro de crônicas do Carpinejar. Nesse livro as crônicas também são familiares, mas o foco maior é voltado pra as relações entre pais e filhos.
Carpinejar fala sobre como os filhos são diferentes e de como é preciso aprender a conviver com essas diferenças sem exigir que um seja igual ao outro, por que esse “outro” é mais fácil de lidar, ele fala também de experiências e de  aprendizados que absorveu durante a vida com os dois filhos.
Ainda na atmosfera infantil, Carpinejar relembra como foi ser criança e também de sua infância. Ele ainda estabelece paradoxos entre o “ser criança” de sua época com o “ser criança” do tempo de seus filhos.


A cada novo fragmento de texto do Carpinejar que leio – seja ele uma crônica ou um simples comentário em uma de suas redes sociais – eu me torno ainda mais fã dele. Ele articula suas palavras de um forma tão sensível e poética que é impossível não ama-lo.

Carpinejar levanta alguns questionamentos importantíssimos em suas cronicas, principalmente no que diz respeito a essa precoce maturidade que cada dia atinge mais as crianças. Se você é pai ou de alguma forma convive com crianças, eu mais do que indico esse livro. Se você não é, leia também, pois esse livro com toda a sua sensibilidade é um suspiro exalado em um momento de alivio. 


NOTA: 

Fabrício Carpi Nejar, ou Fabricio Carpinejar, como passou a assinar em 1998 (Caxias do Sul, 23 de outubro de 1972) é um poeta e jornalista brasileiro. Filho dos poetas Carlos Nejar e Maria Carpi, adotou a junção de seus sobrenomes em sua estréia poética, As solas do sol, de 1998. Em 2003 publicou, pela editora Companhia das Letras, a antologia Caixa de sapatos, que lhe conferiu notoriedade nacional. Desde maio, mantém a coluna que antes era ocupada por Moacyr Scliar no jornal Zero Hora. É mestre em Literatura Brasileira pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. (SKOOB)
Beijos , Anna (:

Comentários via Facebook

14 comentários:

  1. Anna, já adoro um bom livro de crônicas, agora essas ilustrações... gente, que coisa mais linda. ♥ Adoro crônicas bem reflexivas, esse assunto de maturidade precoce nem sempre é bem retratado nesse formato. Fiquei curiosa. :D




    beijos,

    Amy - Macchiato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um livro de cônicas + ilustrações é puro amor né hahaha

      Beijos , Anna

      Excluir
  2. Carpinejar é um dos meus escritores brasileiros preferidos. Tenho um livro dele "Mulher Perdigueira" e a cada conto eu me via mais apaixonada pela sua escrita e pela forma que brinca com metáforas. Não conhecia esse livro dele, mais voltado para a relação entre pais e filhos. Achei interessante porque em muitos contos, ele cita um pouco sobre sua infância, acredito que nesse livro fica mais explicito seus relatos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ingrid , Carpinejar é sensacional e definitivamente um dos meus escritores brasileiros favoritos também. Eu não conhecia "Mulher Perdigueira" , mas já anotei na minha imensa lista de livros pra comprar hahahha

      beijos , Anna

      Excluir
  3. Sempre gostei de crônicas e pelo o que eu me lembre eu não li algo do Carpinejar (se alguma crônica dele estiver presente em alguma antologia de crônicas aí já li algo dele).
    A edição é bem linda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giovana eu aprendi a amar crônica nos últimos anos , e Carpinejar é um mestre nessa área .

      Beijos , Anna

      Excluir
  4. Ahhhhh parece ter uma edição tão bonita.
    Essas ilustrações são fofas! O livro parece bem dinâmico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Karol esse livro é puro amor <3

      Beijos , Anna

      Excluir
  5. A maturidade nos dias de hoje está realmente chegando cada vez mais cedo, então a abordagem desse tema deve ser de uma forma muito interessante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafaela , é uma abordagem realmente interessante e muito importante de ser divulgada.

      Beijos , Anna

      Excluir
  6. Adoro ler crônicas e o livro parece realmente interessante (além de ser ilustrado, o que sempre garante pontos comigo), espero conseguir ler em breve~

    The Fat Unicorn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Crônicas são amores , e livros de crônicas com ilustrações são mais amores ainda hahaha

      beijos , Anna

      Excluir
  7. Oie, tudo bom?
    Não li nada do Carpinejar ainda, mas conheço alguns escritos desse autor. Gosto de livros de crônicas porque eles levam a uma reflexão interessante sobre vários assuntos.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline , se gosta dos escritos do Carpinejar super indico os livros deles , porque são experiencias incríveis.

      Beijos , Anna

      Excluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!