[Resenha] O Presente - Editora @Novo_Conceito

postado dia 02 janeiro 2014

Titulo Original: The Gift
Autor: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Edição: 
Páginas: 320
Gênero: Ficção 



Sinopse: Todos os dias, Lou Suffern luta contra o tempo. Ele tem sempre dois lugares para ir, tem sempre duas coisas a fazer. Quando dorme, sonha com os planos do dia seguinte, e, quando está em casa, com a esposa e os filhos, sua mente está, invariavelmente, em outro lugar. Numa manhã de inverno, Lou encontra Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve, do lado de fora do imenso edifício onde Suffern trabalha. Os dois começam a conversar, e Lou fica muito intrigado com as informações que recebe de Gabe; informações de alguém que tem observado uniões improváveis entre os colegas de trabalho de Lou, como os encontros da moça de sapatos Loubotin com o rapaz de sapatos pretos... Ansioso por saber de tudo e por manter o controle sobre tudo, Lou entende que seria bom ter Gabe por perto — para ajudá-lo a desmascarar associações que se formam fora de suas vistas — e lhe oferece um emprego. Mas logo o executivo arrepende-se de ajudar Gabe: sua presença o perturba. O ex-mendigo parece estar em dois lugares ao mesmo tempo, e, além disso, Gabe lhe fala umas coisas muito incomuns, como se soubesse do que não deveria saber... Quando começa a entender quem é realmente Gabe, e o que ele faz em sua vida, o executivo percebe que passará pela mais dura das provações. Esta história é sobre uma pessoa que descobre quem é. Sobre uma pessoa cujo interior é revelado a todos que a estimam. E todos são revelados a ela. No momento certo.


"Esta é uma história sobre uma pessoa que descobre quem é. Sobre uma pessoa que é desembrulhada, e cujo interior é revelado a todos que a estimam. E todos são revelados a ela. No momento certo." (Página 14)


O Natal realmente é uma época inspiradora, vocês concordam?! É lógico que devemos sempre pensar no próximo e praticar boas ações independente da época, mas recordar e comemorar o nascimento de Cristo, faz com que todos pense no Natal como uma data mágica. E comigo não é diferente. Por isso quando recebi o livro 'O Presente' da Editora Novo Conceito, fiquei reservando a leitura para o dia 25 de Dezembro.

Lou Suffern é um homem muito ocupado, ele vive lutando contra o tempo, marca seus compromissos quase que nos mesmo horários, tentando estar em dois lugares ao mesmo tempo. Quando chega em casa seus pensamentos estão tão focados no trabalho que não consegue dar a devida atenção para a sua família. Até que em meio as vésperas de natal ele conhece um mendigo chamado Gabe, e através de uma conversa bem inusitada, Lou percebe que precisa fazer uma boa ação e presentear este pobre homem com um emprego. O problema é que no caso de Lou nunca se trata apenas do próximo e sim dele mesmo. Só que como gratidão, Gabe dará a Lou aquilo que ele mais anseia, a oportunidade de estar em dois lugares ao mesmo tempo. Mas será que Lou fará a coisa certa com esse tempo? Será que ele irá aprender alguma coisa com isso tudo?



Juro que no começo a narração me pareceu um tanto quanto arrastada. Eu fiquei me perguntando como a autora Cecelia Ahern, de quem eu vi falar super bem de suas outras três obras anteriores, deixou para melar logo o livro que optei para conhece-la? Mas nada como um leitor persistente, e eu como não desisto nunca - ou quase nunca - tive o prazer de estrear a escrita de Cecelia com esta obra maravilhosa. 


Eu realmente adorei a forma como o enredo se desenvolveu, por mais que as coisas aparentasse ser previsível nada foi como eu pressentia, na verdade elas foram muito além. Eu me emocionei bastante e obviamente chorei. Este livro tem aquele temperinho magico que eu tanto adoro, uma incrível lição de vida. Ler 'O Presente' me fez parar e refletir na minha vida, como eu estou lidando com o meu tempo, e mostrou aquilo que nós já sabemos mas que muitas vezes esquecemos: a vida é uma só! Então vou falar aquilo que eu sempre falo quando encontro uma história assim: todo mundo deveria ler 'O Presente'. Depois dessa, com certeza eu vou dar prioridade aos outros livros da autora que eu tenho aqui na estante.

NOTA: 


Comentários via Facebook

17 comentários:

  1. eu desanimei de ler, acredita... xD
    nem sei pq... li anjos à mesa e até achei legal... e essa capa eu não curti xD
    bjs
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que é porque o começo realmente desanima um pouquinho!

      Excluir
  2. Oi Thais, que bom que gostou da leitura. Apesar de gostar de livros que nos faz refletir, esse não me atrai muito, e eu realmente não gostei da capa, rs. Mas a outra resenhista do blog que faço parte, leu e adorou. Talvez um dia eu dê uma chance ao livro, mas não por agora.
    Beijos,
    www.tesouroliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é bom sim, se vc gosta de livro assim que faz refletir, com certeza irá gostar dele! Realmente eu achei o começo menos atraente, mas o restante do livro compensa tudo isso!!

      Excluir
  3. Oie,
    tb achei o começo meio arrastado, mas depois o livro ficou mto bom.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  4. Que bom que a leitura, no final, foi boa >< Não pedi como cortesia tal livro por ter lido um da Cecelia e ele não ter me agradado tanto. E também por que não gosto muito do Natal.rs Mas pra quem gosta da autora e dessa época do ano, me parece mesmo ser um bom livro >< Ótima resenha.

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi o primeiro que eu li dela, quero ler outros também!

      Excluir
  5. Oi te indiquei para o desafio de ferias
    http://livrosleituraseleitores.blogspot.com.br/2013/12/desafio-de-ferias.html
    Beijos
    Dri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela indicação amore, estou participando!!

      Excluir
  6. Oi flor,
    Esse é um livro que pretendo ler esse ano, já li algumas resenhas que dizem o mesmo que você citou que nos faz refleti sobre algumas coisas.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  7. Com sua resenha Thais, fico cada vez mais convicto que um livro muda a vida de uma pessoa, e a cada nova história, novas lições são aprendidas e postas em práticas. Esta sendo a primeira resenha de 2014 irá lhe trazer muita sorte, pois quando gostamos tanto de algo e tiramos proveito disso nos sentimos plenamente realizados ainda mais sendo no ano novo. A autora já é conhecida, e pretendo ler todas as suas magnificas obras. Um grande beijo e um feliz 2014 cheio de paz e amor em sua caminhada *-*

    Beijoos.
    Lauro,
    http://entreversosepaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Já tinha visto alguns blogs indicando este livro e parece ser muito bom. Gostei da sua resenha, o enredo é bem interessante. Também gostei de saber que o livro também nos permite refletir algumas coisas em nossas vidas, adoro livros que transmitem mensagens!
    beijos ♥
    quemprecisadetvparaverbeyonce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Odeio quando pego um livro com a leitura lenta no começo, parece que a leitura não rende e isso é desesperador. Mas, para a minha sorte, alguns dos livros que eu peguei pra ler que começaram assim me trouxeram belas surpresas no final, e isso foi ótimo.
    Já ouvi diversos elogios também a respeito dessa autora, e fiquei bastante curiosa com essa obra depois de ler a sua resenha. Família e o tempo curto que as vezes dedicamos a ela é um tema delicado, ainda mais para mim que passo pouco tempo com a minha. Talvez esse livro fosse uma terapia e de grande ajuda para mim, mas não leria tão em breve, pois tenho vários na minha estante ainda.

    ResponderExcluir
  10. O presente .. tai irei colocar ele na meta deste ano . Ontem vi uma blogueira falando sobre ele em um video e senti a voz dela embargar , de emoção . Sua resenha esta ótima e me convenceu que preciso ter este livro em minha estande .

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!