[Resenha] - O Jardim das Rosas Negras

postado dia 27 dezembro 2012

Autor: Selène D'Aquitane
Editora: Ícone Editora
Ano: 2009
Páginas: 192
Edição: 1
Assunto: Ficção, Literatura Brasileira
Comprar: Ícone Editora, Saraiva, Livraria Cultura

Sinopse: Uma linda jovem está debruçada no peitoril da janela contemplando a chuva. Ela é uma fada filha de um demônio e reza uma profecia que trará as Trevas para o seu mundo. Uma vidente prevê tempos difíceis e um perturbado jovem está comprometido com a tal profecia. Ele tem algo a ver com Samantha. Com o tio enfeitiçado por Kaná, Samantha é banida do reino das fadas, mas conta com a ajuda de seus amigos, Chandra, Jaya, Nion e Thiago para ajudá-la em sua missão - sobreviver ao seu destino e reverter a profecia. (Skoob)

Quando solicitei este livro em parceria com a autora, Selène D'Aquitaine, já tinha conhecido seu trabalho através do livro 'Annástria'. Selène fez questão de me alertar que escreveu 'O Jardim das Rosas Negras' com seus 15 ou 16 anos, e portanto seria uma leitura bem diferente de Annástria. E de fato, isso se tornou bem evidente durante a leitura.
Trecho do Livro: "Posso estar enganada, porém acredito que todos nós temos uma missão no mundo. Na cultura das fadas, todo ser racional, e até mesmo os irracionais, possuem missões a cumprir. Qual será a minha?" - Prólogo
Samanta é uma jovem fada, muito bonita, simpática, meiga e divertida. Foi criada apenas por sua mãe Helena e com a ajuda de sua tia, a rainha Elryn. Juntas elas vivem em Fairytz, o reino das fadas. Até que um dia, em seus sonhos, Sammy é transportada para o jardim das rosas negras, e lá ela descobre ser filha do poderoso demônio Erus, que revela a ela uma profecia e seus planos de dominar o reino das fadas. Ele pede a ajuda da filha, que por sua vez se recusa a ajuda-lo. Porém, para a corte das fadas, Samanta acabou virando uma grande ameaça ao seu reino. Com a ausência e desaparecimento da rainha, Sammy e suas primas são expulsas de Fairytz, pelo próprio tio, que foi enfeitiçado por Kaná.

Sem seus poderes de fadas e longe de casa, Erus usa as mais diversas artimanhas para trazer a filha para o lado das trevas, invadindo seus sonhos e pensamentos. E como nem sempre temos a vida que tanto desejamos, esse sofrimento todo é necessário para que Sammy enfrente a si mesmo e encontre seu verdadeiro eu, dentro de sua mente, agora habitada pelos poderes de seu pai também.

      

Esqueça tudo que você sabe, ou que pelo menos pensa que sabe sobre as fadas. Aqui neste livro elas não são criaturas minúsculas, voadoras, com roupinhas maravilhosas e brilhantes. E acho que isso foi meio frustante para mim, pelo menos no inicio da história. Até hoje eu não tinha lido nada com uma fada como protagonista, por tanto me baseava em algo como nas histórias da personagem Sininho da Disney. Mas se por uma lado as características físicas são tão diferentes, por outro lado encontrei algo bem semelhante: a determinação e coragem dessa criaturinha.

Mais uma vez a autora me encantou com sua criatividade e fantasia, me fazendo mergulhar em um mundo mágico, habitado por fadas, elfos, sereias, bruxas e demônios. Se esforçando sempre em diferenciar um tema que é tão singular. Confesso que foi impossível não notar o quão amador foi este livro em relação ao outro, porém eu já estava bem preparada quanto a isso, e acabou não se tornando um problema ou algo que prejudicasse a leitura. Escrito de uma forma simples e bem leve, a leitura fluiu de uma maneira bem rápida e nada cansativa. Infelizmente encontrei alguns erros de revisão, o que foi um grande deslise da editora, que caprichou tanto na capa e ilustrações dentro do livro.
Trecho do Livro: "Viver é uma dádiva! Viver e ser feliz é uma dádiva maior ainda! Poucos são aqueles que têm a oportunidade de parar por um tempo e refletir sobre suas ações, reconsiderarem seus atos." - Páginas 177
Reunindo tudo o que a autora trouxe em um único, pequeno e simples livro, me faz indica-lo principalmente ao publico infanto-juvenil. Para aqueles que estão deixando de lado agora os livros com mais gravuras do que escrita. Porém vários pontos no livro me faz indica-lo também para aquele tipo de leitor descontraído  que procura sempre diversificar e não exigir muito. E o que me faz pensar assim é que na maioria das vezes, quando iniciava um novo capitulo, algo era detalhadamente explicado, me fazendo comparar situações da minha vida real com as daquela fantasia. Sabe quando a moral da história acaba compensando os pontos fracos do livro? Então, Selène D'Aquitaine, nos trouxe uma linda lição de vida e principalmente as duas ultimas páginas mexeram muito comigo.

NOTA:    

Xoxo

Comentários via Facebook

23 comentários:

  1. O livro parece bem interessante. Gostei da história e me agradou ser diferente do que estamos acostumados! ;)
    Achei a capa do livro bonita, mesmo que um pouco sombria (mas gosto disso)!
    Com oportunidade, quero ler sim!

    Beijão
    Pri
    Baú de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc Pri, a capa é muito bonita, mas esse demônio ali atrás é horrível!

      Excluir
  2. Que interessante a história desse livro Thais eu gosto muito de filmes e livros assim de fantasia são sempre ricos em detalhes e nos personagens muito boa sua resenha 5 estrelas

    bj

    http://framboesabrazil.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. o livro parece bem elgal, mas nao sei se gostaria sabe xp

    ResponderExcluir
  4. Eu já tinha lido outra resenha falando sobre essa tendência de ser pra um público mais adolescente. Como eu gosto desse tipo de livro, acho que gostaria dele. Ainda não li os outros da Selene.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazemechamolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha. Não tinha lido nenhuma resenha desse livro, achei a história interessantes embora o livro não tenha me chamado tanto a atenção para a sua leitura.
    Bjs

    Joyce
    entrepaginasesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Passando pra te desejar um ótimo final de semana Thais

    bjos

    http://framboesabrazil.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Eu gostei bastante desse livro da Selène, a escrita mais ingênua me encantaram.
    Adorei todos os personagens, a Sam é uma fofa *--*

    Beijos,
    http://secretsentreamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Adorei seu cantinho é super fofo
    Quando puder dá uma passadinha no meu
    www.dicasdajucy.blogspot.com
    Espero qeu goste
    beijitos

    ResponderExcluir
  9. Eu gosto de livros do genero infanto-juvenil, então acho que gostaria muito desse, ainda mais por ser sobre fadas.

    Beijos ;*
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bom?
    A capa é linda !
    Amei a resenha , o livro deve ser muito bom :]
    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    Passa lá no blog?
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Amei e seu cantinho e estou seguindo, pode retribuir?

    http://madamelemes.blogspot.com e se puder curte minha página

    http://facebook.com/madamelemesblog

    e tem sorteio rolando lá, participa \o/ bjs

    ResponderExcluir
  12. adorei a capa, mas nao gostei do livro

    ResponderExcluir
  13. fiquei com vontade de ler!!!
    feliz ano novo para vc!!
    bjs!
    http://escreverdayse.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Que livro mais fofo *-*
    Espero um dia ter a oportunidade de lê-lo ^^

    http://odiariodoleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Linda resenha! Estou lendo Annástria e me encantando pelo modo simples e envolvente da autora. O Jardim das Rosas Negras é um livro que desejo poder ler em breve, pois desde que pus os olhos da capa, algo parecia me chamar para o livro e ver que a personagem principal ainda possui o mesmo nome que eu, me deixou ainda mais interessada =D

    Bjs

    daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  16. Esse eu já n me interessei muito nao, mas a resenha, COMO SEMPRE, excelente!!! Beijos
    http://radarmexeriqueiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Adorei a resenha. Esse livro envolve um universo que eu não conheço muito bem, nunca li um livro com uma fada sendo protagonista também. Deve ser bem legal.

    ResponderExcluir

É muito importante para um blogueiro saber o que as pessoas tem a dizer sobre seus textos, pois sem isso nenhum blog consegue sobreviver por muito tempo! Deixe seu link (se tiver blog) para que eu possa visitá-lo também!!

Seu comentário é a minha maior fonte de respostas!!